Os Parisienses gostam de pique-niques!

A- A+

Os tradicionais pique-niques realizados no campo, sobre um gramado, parecem estar sendo substituídos pelo pique-nique urbano. Pelo menos é o que acontece em Paris. A modalidade de pique-nique urbano, sem excluir a toalha de mesa e a boa comida, acontece em especial no Pont des Arts, próximo à Île de la Cité. A diferença é que no lugar de campos, pastagens e natureza, a paisagem é de monumentos, pontes e o rio Sena, o que não deixa também de ser um encanto.

Situado no coração de Paris, a ponte liga dois monumentos importantes, um das letras – “Institut de France” – e outro das artes – o museu do Louvre. A proximidade das duas instituições favorece o grande fluxo de pessoas. Por conta disso, vários estudantes de diversas nacionalidades, professores, parisienses e artistas dedicam um tempo para comer um lanche e ao mesmo tempo admirar a paisagem irresistível.

 

A dois, sozinho, em grupo…

Sentam-se por todos os cantos, nos bancos, no chão, por onde tiver espaço, e estendem a pequena toalha. E como no campo, alguns tiram os sapatos para aproveitar o momento de descontração. O pôr do sol é um convite para outros transeuntes se juntarem individualmente ao grupo para admirar o espetáculo da luz: a dois, duas taças de bordeaux e “foie gras à tartiner”.  Sozinho, uma baguette, queijo e jornal. Em grupo, cada um levando alguma coisa e, claro, sem faltar o vinho. Uns chegam, outros partem, mudando assim os perfis dos frequentadores.

Os que não têm tempo de preparar o que comer, sem problemas. O Chez Michel, no 10° arrondissement, ou La Cave de l’Os à Moelle, no 15°, vendem sanduíches para salvar o seu pique-nique. O segundo propõe até mesmo locação de bicicletas e de toalhas. E a moda pegou, o lugar se transformou em ponto de encontros e reencontros. Se a estação for primavera ou verão, qual brasileiro não vai aderir a essa modalidade?

 

Você quer levar sua namorada no Pont des arts para um pique-Nique romântico se declarando em francês? Aprenda a falar francês em um tempo recorde com o Grupo IFESP!