Aprenda expressões e provérbios franceses engraçados relacionados a animais

A- A+

Você gosta de expressões metafóricas e quer aprender um vocabulário francês avançado? Aproveite esse artigo para aprender expressões muito engraçadas relacionadas a animais para impressionar seus amigos franceses!

Donner sa langue au chat = dar sua língua para o gato: não poder adivinhar algo e perguntar a resposta.

donnersalangueauchat

Prendre la mouche = pegar a mosca = ficar um pouco bravo

Quand les poules auront des dents = quando as galinhas tiverem dentes: nunca

Monter sur ses grands chevaux = subir em seus grandes cavalos: ficar bravo muito rápido

monter grands chevaux

Avoir d’autres chats à fouetter = ter outros gatos para fustigar: ter outras coisas para fazer (não há tempo para perder para coisas sem importância).

Chercher la petite bête = procurar a bestinha: estar chato/ insatisfeito sem motivo.

Être une peau de vache = ser uma pele de vaca: ser muito malvado, severo.

Avoir la puce à l’oreille = ter a pulga na orelha: como em português, “estar com a pulga atrás da orelha” (estar desconfiado).

Se coucher avec les poules = como em português, “dormir com as galinhas” (dormir muito cedo).

se coucher avec les poules

Un temps de chien = um tempo de cachorro: um tempo nublado e/ou chuvoso

Être comme chien et chat = ser como cachorro e gato: nunca parar de brigar com alguém

Avoir un mal de chien = ter dor de cachorro: ter muitas dificuldades para fazer algo

Poser un lapin = pôr um coelho: combinar algo com alguém, mas não aparecer e nem avisar (“dar um bolo”)

poserunlapin

Être le dindon de la farce = ser o peru do espetáculo/piada: ser o bobo da história, de uma situação

La vache ! = a vaca! = Nossa Senhora!

Faire la politique de l’autruche = fazer a política do avestruz: fazer como se não tivesse problemas

autruche

Quand on veut tuer son chien, on dit qu’il a la rage = se quiser matar seu cachorro, se fala que ele tem a raiva: arrumar uma desculpa para se livrar de alguma coisa/ alguém.

On n’apprend pas à un vieux singe à faire la grimace = não se ensina macacos velhos a fazer careta: não se ensina algo para pessoas cuja especialidade é essa mesmo (“ensinar o padre a rezar missa”)

singe grimace

Quand le chat n’est pas là, les souris dansent = quando o gato não está, os ratos dançam: aproveitar a ausência de uma pessoa que tem autoridade sobre você.

chat souris

Mettre la charrue avant les boeufs = colocar o arado antes dos bois: fazer coisas na ordem errada (“colocar o carro na frente dos bois”)

Vendre la peau de l’ours avant de l’avoir tué = vender a pele do urso antes de matá-lo: considerar algo adquirido enquanto você ainda não o possui, fazer uma promessa sem ter certeza de poder cumpri-la (“contar com o ovo dentro da galinha”)

Celui qui se moque du crocodile n’a pas encore traversé la rivière = quem ri do crocodilo ainda não atravessou o rio: não fique rindo de um perigo que você ainda não evitou.

Les chiens ne font pas des chats = cachorros não fazem gatos: os filhos são como os pais (“filho de peixe, peixinho é”)

Des larmes de crocodile = lágrimas de crocodilo: lágrimas fingidas, falsas, fazer drama.

Passer du coq à l’âne = passar do galo ao burro: mudar totalmente de assunto

La montagne a accouché d’une souris= a montanha deu nascimento a um rato: se diz de algo muito decepcionante

Noyer le poisson = afogar o peixe: se esquivar de uma pergunta embaraçosa

Être la brebis galeuse = ser a ovelha sarnenta: se diz de alguém que tem uma influência ruim sobre outros, que é o problema ou o perigo de um grupo (“ovelha negra”)

Se jeter dans la gueule du loup = pular na boca do lobo: correr descontroladamente em direção a um perigo

gueule du loup

Avoir une mémoire de poisson rouge = ter uma memoria de peixe vermelho: esquecer tudo muito rápido

Faire entrer le loup dans la bergerie = fazer entrar o lobo no curral: levar alguém que representa um perigo em um grupo

loup bergerie

Qui vole un oeuf, vole un boeuf = quem rouba um ovo, rouba um boi: Não importa o que você rouba, essa atitude sempre será grave.

Avoir des fourmis dans les jambes/bras = ter formigas nas pernas: ficar em uma posição ruim e ter o sangue das pernas/braços bloqueado

Avoir le cafard = ter a barata: estar triste

cafard

Avoir la chair de poule = ter a pele de galinha: ter medo

Etre une chèvre = ser uma cabra: ser muito ruim

Etre un canard = ser um pato: se diz de um menino que está tão apaixonado pela namorada que nem sai mais com os amigos

Etre un mouton = ser um carneiro: seguir todo mundo sem nem pensar, mesmo se os outros fizerem coisas idiotas

Etre un pigeon = ser um pombo: gastar dinheiro muito estupidamente, perder dinheiro facilmente

Prendre le taureau par les cornes = pegar o touro pelos chifres: enfrentar os problemas

taureau

Avaler des couleuvres = engolir sapos: fazer algo que não tem vontade de fazer

avaler couleuvres

Avoir une faim de loup = ter uma fome de lobo: ter uma fome de leão

Le serpent qui se mord la queue = a cobra que morde a cauda: um círculo vicioso

Comme un poisson dans l’eau = como um peixe na água: ser muito confortável, fazer as coisas muito fácilmente

Quer aprender mais expressões e provérbios em francês? Conheça nosso curso de francês online.

Gostaria de estudar na França, cursar uma Graduação ou uma Pós-graduação nas melhores universidades francesas? Conheça nosso blog sobre universidades francesas! 

Comentários